sobre nóscontatolíngua | ENGLISH Portuguese
sobre nóscontato língua • ENGLISH Portuguese

Dicas de Viagem: Estocolmo – Dia 01

05 Junho 2016 Viagens Passagem Gastronômica - Roteiro de Estocolmo

Estocolmo é composta por 14 ilhas interligadas e é conhecida como Veneza do norte. A cidade tem uma arquitetura linda de viver – principalmente na parte do centro histórico – aliada com a bela paisagem natural dos canais e pontes que intermeiam as ilhas.

Estocolmo não possui muitas atrações emblemáticas para se visitar, e por isso é o tipo de cidade ideal para se conhecer aos poucos, descobrindo ruas fofas inesperadas, cafés e prédios lindos. Uma coisa impressionante é que Estocolmo é uma cidade cara, mas muito cara mesmo (até se comparada a Londres que já é uma cidade cara). Por isso, prepare-se para pagar muito por estadia em hotéis nada luxosos, entrada de museus e comidas.

Por Estocolmo não ser muito grande, a melhor forma de explorá-la é a pé (mas ressaltando que o transporte público funciona muito bem por lá) e 3 dias são suficientes para conhecer seus principais atrativos.

Este post de dicas de viagem de Estocolmo que preparei engloba dicas que ajudam todo viajante ao chegar na cidade, além de sugestões de passeio separados por região (o que facilita a visita). Passei as dicas do segundo e terceiro dia aqui.

1. Chegando em Estocolmo

Estocolmo possui 4 aeroportos, cada um com uma distância diferente do centro da cidade. As budgets airlines costumam pousar no aeroporto mais distante. Por isso, vale checar em qual aeroporto seu voo pousa quando estiver comprando a passagem. Todos os aeroportos tem trens que vão até a cidade, mas dependendo da quantidade de pessoas no seu grupo sai mais caro do que um taxi (por isso cheque os valores). Se optar por taxi, vale mencionar que existem companhias que cobram de forma diferente (preço fixo ou não). Nós usamos uma companhia que tem preço tabelado chamada Taxi Kurir (pagamos SEK470 de Arlanda até o centro). Mais informações sobre os aeroportos aqui.

2. Transporte público

A tarifa para usar o metrô e o ônibus é alta na cidade e por isso vale fazer a conta se compensa ou não comprar o vale transporte para o dia (uber e taxis comuns também não são baratos). Nós escolhemos o passe de 72h que dá direito a metrô e ônibus. O site oficial do transporte da cidade tem os valores das diferentes opções disponíveis.

3. Stockholm Pass

Stockholm Pass é um cartão que você compra por SEK995 e inclui diversas atrações na cidade (mas não inclui transporte público dentro desse valor). A grande questão é se vale ou não a pena comprá-lo, o que depende muito dos passeios que você quer fazer. Algumas atrações da cidade não estão incluídas – como é o caso do Skansen – e por isso em alguns casos não vale a pena. Nós optamos por não comprar, pois sairia mais caro do que se pagássemos cada atração individualmente. Esse site tem mais detalhes e é bem elucidativo pra ajudar a decidir.

Passeios do Dia 01

Gamla Stan

Gamla Stan é a cidade antiga de Estocolmo com uma arquitetura medieval. São casas coloridas, ruas tortuosas, praças e o palácio real. O centro histórico é muito gostoso e o melhor lugar para vivenciar Estocolmo. A única atração que acho essencial visitar por lá é o palácio real que é deslumbrante. De resto vale se perder pelas ruas (que não são muitas ja que é uma região pequena).

As principais atrações nessa região são:

1. Palácio Real (Kungliga Slottet)

Residência oficial da família real e um dos maiores palácios da Europa (conta com mais de 600 quartos). A maior parte do prédio foi construída com arquitetura italiana no estilo barroco durante o século 18. É possível visitar os apartamento reais, as jóias da coroa e dois museus. E diariamente tem a troca real da guarda para assistir.

Horário: Diariamente das 10 às 17h, mas o horário varia de acordo com a época do ano (mais detalhes aqui).
Endereço: Slottsbacken, 1
Site: www.kungahuset.se/royalcourt

Passagem Gastronômica - Palácio Real Estocolmo Passagem Gastronômica - Palácio Real Estocolmo Passagem Gastronômica - Palácio Real Estocolmo Passagem Gastronômica - Palácio Real Estocolmo Passagem Gastronômica - Palácio Real Estocolmo

2. Cathedral of St. Nicholas (Storkyrkan)

Esta catedral medieval em Estocolmo foi construída em 1279 e é utilizada para casamentos da família real. No interior tem uma famosa estátua de São Jorge e o Dragão produzida em 1489.

Horário: Diariamente das 9 às 16h
Endereço: Trangsund, 1
Site: www.svenskakyrkan.se

Passagem Gastronômica - Cathedral of St. Nicholas - EstocolmoPassagem Gastronômica - Cathedral of St. Nicholas - Estocolmo

3. Stortorget Square

Esta é a praça mais antiga de Estocolmo, e onde está localizado o Nobel Museum. Aproveite para se sentar em um dos cafés da praça. Tem dois famosos, o Chokladkoppen e o Kaffekoppen, o último famoso por servir chocolate quente branco – mas que não é tão gostoso quanto parece.

Passagem Gastronômica - Stortorget Square - Estocolmo Passagem Gastronômica - Stortorget Square - Estocolmo

4. Riddarholm Church (Riddarholmskyrkan)

Trata-se do mausoléu da família real. O prédio foi finalizado no século 14 e era utilizado como igreja até 1807, sendo que depois disso passou a ser utilizada apenas para funerais e o local onde a família real é enterrada.

Ele não está exatamente no centro histórico, mas fica bem pertinho e por isso vale combiná-los.

Horário: O horário varia de acordo com a época do ano, o site tem mais detalhes.
Endereço: Riddarholmen
Site: www.kungahuset.se/royalcourt

Passagem Gastronômica - Riddarholm Church - Estocolmo Passagem Gastronômica - Riddarholm Church - Estocolmo

Norrmalm e Östermalm

Estas duas regiões são mais conhecida por lojas, restaurantes e bares do que pelas atrações turísticas em si. Quase todos os restaurantes que fomos ficavam por lá. Os prédios não são tão imponentes como o centro histórico, pois são mais modernos e sem características arquitetônicas marcantes.

Nessa região você encontra o Stockholm Visitor Center (Endereço: Kulturhuset, Sergels Torg 3-5) que possui uma ótima assistência aos turistas com informações sobre a cidade.

Pra quem gosta de compras, vale passear pela NK Stockholm (Endereço: Hamngatan 18-20) e a Illums Bolighus (Endereço: Amagertorv 10) que são as principais lojas de departamento e design da cidade.

No setor gastronômico tem bastante coisa pra conhecer: (a) cafés típicos, dentre eles o Café Saturns e o Tosse (vou falar mais sobre eles em outro post); e (b) Ostermalms Saluhall, o mercado de comida deles, que é mais focado em ingredientes do que em barraquinhas de comida.

Passagem Gastronômica - Ostermalms Saluhall - Estocolmo Passagem Gastronômica - Ostermalms Saluhall - Estocolmo

E ah, pra quem procura lugar para sair à noite, nessa região fica o Berns que é um hotel como uma balada bem animada.

Por último, vale mencionar que é dessa região que saem os barquinhos que fazem passeios ao redor da ilha – super recomendo! Vou dar mais detalhes no próximo post já que foi um passeio que fizemos no segundo dia.

As atrações propriamente turísticas que tem por lá são uma igreja e uma biblioteca. Ambas não são espetaculares, mas vale dar uma espiadinha se estiver por perto (ainda mais porque a entrada é gratuita):

1. St. Jacob’s Church (Sankt Jacobs Kyrka)

O nome dela é na verdade St. James Church, mas a maioria das pessoas a conhece como St. Jacob’s. O que mais chama a atenção nesta igreja é a cor de tijolo gritante da fachada exterior. Ela é dedicada à St. James, o santo padroeiro dos viajantes. 

Endereço: Västra Trädgårdsgatan, 2 

Passagem Gastronômica - St. Jacob's Church - Estocolmo Passagem Gastronômica - St. Jacob's Church - Estocolmo

2. Public Library (Stockholms Stadsbibliotek)

Uma das coisas que adoro visitar são bibliotecas. A biblioteca de Estocolmo faz o estilo mais moderno e possui um design bem interessante. O salão principal é em formato circular e o visual que você tem ao começar a subir as escadas que levam a ele é demais.

Horário: Segunda à sexta das 9 às 19h e sábado das 11 às 16h.
Endereço: Odengatan, 73
Site: www.biblioteket.stockholm.se

Passagem Gastronômica - Biblioteca Municipal - EstocolmoPassagem Gastronômica - Biblioteca Municipal - Estocolmo

Deixar um Comentário